domingo, 14 de outubro de 2007

Notas do Brasil

Júlio Cesar - muitíssimo bem quando foi acionado, apesar de ter rebatido estranhamente uma bola no segundo tempo. 8

Maicon - fraco, como sempre. não é jogador de seleção brasileira. 4

Lúcio - seguro, apesar de exposto. 6

Juan - menos seguro que Lúcio, o que é incomum. 5

Gilberto - cansou. Aos 5 do primeiro tempo. 2

Mineiro - marcou bem no primeiro tempo, fraquejou no segundo, mas deu um bom chute no meio do tempo. 5

Gilberto silva - parecia nervoso e mesmo algo violento. 3

Ronaldinho Gaúcho - começou buscando o jogo, mas se perdeu com o resto do time. 3

Kaká - fora de posição em 90% do jogo, devia ter mais presença de espírito e obedecer menos o técnico. 4

Robinho - completamente fora do ar. 3

Vagner Love - no primeiro tempo, foi o melhorzinho. E foi mal. 3

Júlio Baptista - entrou sem posição definida e jogou dessa forma. Pelo menos lutou. 4

Josué - pouco tempo em campo, o suficiente para um lançamento torto. 3

Afonso - pouco tempo, pouca bola, muito lobby. sem nota

Dunga - confuso o jogo inteirinho. Colocou Kaká aberto pela direita, fora de posição. Segurou os laterais, o que abriu avenidas para as alas colombianas. Tinha 2 volantes (ou 3, depois de Josué) e a defesa ficou exposta na entrada da área. Tirou um centroavante, pôs um volante para segurar um 0 x 0 com a Colômbia. Viu que errou e colocou um centroavante no lugar de Kaká. Como eu já havia dito antes: já serviu a experiência da Copa América. Não serve. Nota 2, por não ter usado uma roupa ridícula dessa vez.

2 comentários:

Carlão disse...

Dunga errou desde o começo.

Esta formação (4-2-3-1), com Vágner Love ou Afonso na frente, não dá certo.

Arthur Virgílio disse...

Se formos pegar a sua média teremos algo em torno de 4,5. É a cara da seleção. Muito pouco para pentacampeões.

E, realmente, o único que se salvou foi Júlio Cesar.