domingo, 11 de novembro de 2007

Flamengo, Sport Recife, São Paulo e a "Taça das Bolinhas"

Alguns leitores me cobram posição sobre o penta do São Paulo, sobre o Brasileiro de 1987 e sobre a Taça das Bolinhas.

De início, deixo duas coisas claras:

1- acho essa briga pela "Taça das Bolinhas" uma bobagem que beira a infantilidade.

2- o Campeonato Brasileiro de 1987 teve dois campeões, Flamengo E Sport Recife

Explico: acho que o Flamengo foi campeão de fato. A imprensa, a torcida e o país assim trataram aquela Copa União. Era o Campeonato Brasileiro. Negar isso é negar a história e as informações. Ater-se somente a estatísticas e outras friezas do tipo é tergiversar.

Por outro lado, não posso ignorar as estatísticas e as friezas acima citadas, pois são elas que estabelecem os fatos legais. Nesse aspecto, o Sport foi campeão brasileiro de 87.

Desta forma, acho que o título deveria ser oficialmente dividido e ponto final.

2 comentários:

Willian Kury disse...

Título dividido.

Portanto o Flamengo é tetracampeão e meio.

Zaki disse...

Bindi

Concordo com vc, houve dois campeões. Mas foram dois campeonatos, dois campeões, sem divisões ao meio.

Existia sim a expectativa do cruzamento entre os módulos, eu era um que apostava que o Flamengo cederia, mas não cedeu. Para época a Copa União foi uma peitada necessária. Se vc pesquisar foi o inicio da nossa Série A. Hoje soaria como uma "virada de mesa", pois estamos sem as tais desde 2001. Hoje temos pontos corridos, cumprimento de regulamentos etc. Mas em 1987 não. A peitada dos clube dos 13 não foi nos outros que ficaram de fora, mas sim na CBF. Por isso não podemos ignorar que muitos dos outros que compunham o módulo amarelo mereciam com que o campeonato da CBF também possa ser encarado como um campeonato legitimo.
É triste lembrar as lambanças do passado, que não as repitamos mais.
Abraços